As operações aéreas nos aeroportos da rede Infraero estão acontecendo normalmente, sem interrupção na prestação de serviço aeroportuário.
Orientamos aos passageiros que somente se dirijam aos aeroportos as pessoas que forem viajar.

Histórico

Conhecida como a “Pérola do Tapajós”, Santarém possui espetáculos naturais de rara beleza como o encontro das águas barrentas do rio Amazonas com as águas azuis do rio Tapajós, que se unem, mas não se misturam. É lá que está Alter-do-Chão, uma vila balneária com  praias belíssimas que atrai turistas de nacionalidades variadas.

O Aeroporto Internacional de Santarém – Maestro Wilson Fonseca tem importante papel no estreitamento dos laços com o restante do Brasil e do mundo, por sua localização geográfica – entre Belém e Manaus –, e por representar um grande instrumento para o desenvolvimento econômico e turístico da região.

1970

  • 1977

    O Aeroporto de Santarém foi fundado em 31 de março de 1977 concluindo-se na época uma das metas do Governo Federal que era integrar a Amazônia aos demais estados brasileiros.

1980

  • 1980

    O Aeroporto Internacional de Santarém foi incorporado pela Infraero em março de 1980.

1990

  • 1999

    No ano de 1999 foi construído no aeroporto um terraço panorâmico que, posteriormente, abrigou restaurante com uma bela vista.

     

2000

  • 2006

    Em 3 de agosto de 2006 o Aeroporto de Santarém passou a ser denominado Aeroporto de Santarém – Maestro Wilson Fonseca, em homenagem ao grande e renomado maestro, compositor e poeta santareno, fundador da Academia Paraense de Música e membro da Academia Paraense de Letras.

     

2010

  • 2013

    Para reforçar a segurança nas operações de salvamento e combate a incêndios, a Infraero equipou o aeroporto com novos carros de resgate, entregues em maio de 2013.

     


FALE CONOSCO