As operações aéreas nos aeroportos da rede Infraero estão acontecendo normalmente, sem interrupção na prestação de serviço aeroportuário.
Orientamos aos passageiros que somente se dirijam aos aeroportos as pessoas que forem viajar.

Histórico

Situada no interior do estado, na região do Alto Solimões, Tabatinga está no meio da selva amazônica, com suas florestas, rios, igarapés e ilhas fluviais. Distante cerca de 1.100 quilômetros da capital Manaus, a cidade tem uma população bastante miscigenada. Ali vivem brasileiros, peruanos, colombianos e indígenas que influenciam as festas e a cultura do local.

Com o objetivo de fortalecer a segurança do país na tríplice fronteira do Brasil com o Peru e a Colômbia, o Aeroporto Internacional de Tabatinga funciona como ponto estratégico de apoio às operações da Força Aérea Brasileira, Exército Brasileiro, Marinha do Brasil, Departamento de Polícia Federal e ainda dá suporte à aviação internacional por conta de acordos firmados entre o Brasil e os países vizinhos. Opera com voo regular diário regional, táxis aéreos e uma grande movimentação de voos militares.

1960

  • 1965

    A pista do aeroporto foi construída em 1964 e entrou em funcionamento em 1965, com o objetivo de atender as necessidades e demandas do Correio Aéreo Nacional – apoiando logisticamente as comunidades civis instaladas na região do Alto Solimões –, da Força Aérea Brasileira (FAB) e de batalhões militares fundados pelo Exército Brasileiro, na vasta fronteira do extremo oeste da Amazônia com os países vizinhos, Peru e Colômbia.

1980

  • 1980

    A partir de 30 de março de 1980 o Aeroporto Internacional de Tabatinga passou a ser administrado pela Infraero.

2010

  • 2013

    Em 2013 a Infraero iniciou uma grande reforma e ampliação no Aeroporto Internacional de Tabatinga.


FALE CONOSCO