25/11/2016 em Aeroporto do Rio de Janeiro - Santos Dumont

Santos Dumont e Congonhas mobilizam passageiros no Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher

      Os aeroportos de Santos Dumont (RJ) e Congonhas (SP) foram palco nesta sexta-feira (25/11), Dia Internacional da Não-Violência Contra a Mulher, de uma ação que teve como objetivo conscientizar os usuários sobre a gravidade da realidade enfrentada pelas mulheres no Brasil, onde a cada 2 minutos, 5 mulheres sofrem violência física.

      Durante o dia, 12 mulheres percorreram diversas áreas dos terminais da Infraero - embarque, desembarque, saguão e check-in -, lembrando aos passageiros que a violência contra a mulher não tem discriminação de raça, cor ou nível social.

Modelos da ação da campanha "A Verdade Dói" caminham pelo saguão do Santos Dumont, vestidas com roupas pretas que trazem nas camisetas dados sobre a violência contra a mulher no Brasil.

      A ação fez parte da campanha “A Verdade Dói”, que conta com a participação dos 60 aeroportos da Rede Infraero. Avisos sonoros e cartelados estão disponíveis nos terminais da Rede alertando sobre a violência contra a mulher no país. A campanha também conta com a participação das empresas aéreas Avianca Brasil, Azul Linhas Aéreas Brasileiras e GOL. No período de 24 a 30 de novembro, nas aeronaves das companhias, haverá speeches sobre o tema para os clientes.

      “Estamos mobilizando toda a comunidade aeroportuária para apoiar a causa. Os números são absurdos, é uma realidade que precisa ser repensada e combatida. Dentre as diretrizes de gestão, a Infraero está focada no combate à miséria humana, e a violência contra as mulheres é uma dessas misérias”, destacou o presidente da Infraero, Antônio Claret de Oliveira.

      Denuncie a violência contra a mulher. Ligue 180 e saiba mais.


   Assessoria de Imprensa - Infraero
   imprensa@infraero.gov.br
   www.twitter.com/InfraeroBrasil
   www.facebook.com/InfraeroBrasil
   www.instagram.com/InfraeroBrasil